sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Infância


Mãe, quando pequena você me dizia que eu era muito novinha ainda para certas coisas, mas eu dizia: não, não mamãe eu já sou uma mocinha ó!
Mãe, eu quero que voltar no tempo, quero não poder comer doce todo dia por que pode dar carie, quero pular corda , andar descabelada na rua e descalça, pular de elástico...
Mãe, quer brincar comigo de voltar no tempo?! De brincar de maquiar-nos juntar e eu me vestir de você? Hein mããe?
Quero poder ter aqueles enormea problemas de chiclete no cabelo, que o menino do jardim colocou porquê ele gosta de mim, mas a gente não sabia né mãe?
Quero ter o grande problema de não saber escrever liquidificador, e de falar Tota-tola.
Quero ter a vergonha de levantar de noite chorando porquê fiz xixi na cama mãe! Essa era a maior das vergonhas.
Fazer transinhas no cabelo com tictac de todaaas as cores :D
Acordar de noite chamando o papai porquê eu tive um pesadelo e ta tudo muito escuro.
- Paaai, liga uma luz e fica comigo até eu dormir?
Ter medo do " boi da cara preta " e do bicho papão que morava no armário e debaixo da cama, foi meu irmão que disse mãe, eu sei que existe, eu o vi ontem quando você saiu la do quarto!
Quero poder aprender a andar naquela minha bicicleta rosa com cesto na frente e colocar a Mimi pra passear comigo! Você lembra da Mimi mãe? Era minha filhinha :)
Até hoje eu tenho o "jacarebarbudo" aquele ursinho que você me deu quando eu tinha 3 anos , ele me protegia mãe e cantava para eu dormir.
Quero voltar de brincar de pega-pega, esconde-esconde, alerta, 7 pedras, barbie e me apaixonar por aquele vizinho 10 anos mais velho que eu.
Ser gordinha , buxexuda, e usar calça no umbigo.
Pintar borboletinhas no meu rosto no aniversário dos meus coleguinhas, ter medo de palhaços mas adorar os animaizinhos de balão que eles fazem e voltar a brincar na piscina de bolinha!
Mãããee, quero ser criança de novo, você deixa?

2 comentários:

davi disse...

ohhh, mãe dela, aproveita dá umas palmadas nessa menina traquina! AUEHaEUhaeuaeuaeH

Luma disse...

hahahaha muito engraçado o comentário do Davi!

Quando a 'coisa' aperta, lembramos sempre do colo da mamy, né?

Depois lê as primeiras linhas do post atual do luz ;)

Beijus