sexta-feira, 25 de setembro de 2009

inspiração em antigas lembranças, raizes fincadas.

' Se podes olhar,vê. Se podes ver,repara.' - Livro dos Conselhos






Olha pra mim, não me olhes como se eu ainda fosse aquela menina de ontem, menino!

Tudo muda, o tempo passa, eu sei que não reparastes, mas junto com as madeixas que tanto gostavas se foi um pouco de mim, um pou
co de ti.

E aquela arvore que embaixo sentavamos a curtir nossos amores, sonhos...

Se foi junto com o passar dos anos, se foi junto com a nossa praça, nosso banco.

Onde haviam passaros que já não mais cantam, que tu dizias que cantavam para mim.

Repara, o tempo passou, tudo mudou, não te quero mais em mim.

As fotos foram rasgadas, pena que, como a arvore, as memórias mesmo que cortadas, fincam raizes, elas ficam.

Mas como não prometistes, não ficastes, mudastes, evoluistes junto com nosso mundo,esquecendo as simplicidades, esquecistes, eu sou simples!

As palavras não mais te tocam, as cenas, aquelas cenas...

Onde a areia invadia nosso corpo, se confundia com nós dois,

encomodava, mas nem importava.

Olha para mim, se me vês repara, continuo a mesma, sem tuas madeixas encaracoladas,

já maltratada daquelas palavras esquecidas de quem disse e inesqueciveis de quem ouve,

maltratada mesmo de sentimentos contraditorios.

Olha bem pra mim, não sou a mesma de 3 anos atras,

senti sua falta...

E meu olhar ainda te mostra aquele mesmo medo,

medo de viver sozinha.

Olha bem pra mim, sou fruto de tudo aquilo que fez comigo,

mas não sou mais para ti.

Me escuta bem, quando digo para me esqueças, o digo para mim, [ esquecer-te-ei ]

quando digo que não me queiras mais, faço o mesmo,

tento me convencer que acabou, ACABOU na verdade.

Não te quero nas lembranças, desvia-te porfavor de mim nas vielas.

Quero paz, paz de lembranças fechadas no baú da minha memória, sem ti aparecendo para abri-lo aos pouquinhos.

sábado, 19 de setembro de 2009

Mudança




Essa semana foi corrida,


estou me mudando, de novo, mais uma vez par meu antigo apartamento,


não sei vocês mas eu odeio me mudar, apesar de gostar do apartamento me apego ao meu cantinho, ao meu desarrumado...


Mas a mudança parece o inicio de uma nova etapa na vida não é?!


Derrepente, encaixotamos tudo sem perceber o que guardamos


e quando vamos arrumar, lembranças, fotos antigas, cartinhas de amigas, de ex-amigas, conversas...


E lembranças são rasgadas, outras guardadas, tudo voltando ao lugar que deve outra vez,


ai aquele papel que guardamos um dia achando que seria uma boa lembrança,


é rasgado e jogado fora, como se fosse um pedaço de uma recordação inutil indo embora.


Se colocassemos todas as lembranças que temos em caixas, seriam milhares!


Mesmo assim me apego, apego a cartinhas, a desenhos, a ursos de pelúcia que eu ganhei quando tinha 3 anos.


E a cada mudança entra coisa nova e vão-se as antigas,


como se estivessemos nos renovando!


É hoje que lembranças vão parar em sacos de lixo e serem lembradas apenas em pensamentos.


Beijo e boa tarde procês :)


quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Jogo da Seleção Brasileira.

video

Só para compartilhar um pouco da emoção que eu passei no jogo da seleção com vocÊs!

VAMOS BRASIL!

no próximo post farei um textos falando melhor sobre como foi, não só o jogo, mas a organização em geral! Beiiiijos.

domingo, 6 de setembro de 2009

apego.

o apego é uma droga,
você sabe que te faz mal,
mas por mais que sofra
você abusa mais ainda dele.

apego é um droga,
você fuma, acaba , não porquê você quer
e depois vai correndo atrás de outra dose.
odeio o apego,
mas não vivo sem ele.

droga!

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Infância


Mãe, quando pequena você me dizia que eu era muito novinha ainda para certas coisas, mas eu dizia: não, não mamãe eu já sou uma mocinha ó!
Mãe, eu quero que voltar no tempo, quero não poder comer doce todo dia por que pode dar carie, quero pular corda , andar descabelada na rua e descalça, pular de elástico...
Mãe, quer brincar comigo de voltar no tempo?! De brincar de maquiar-nos juntar e eu me vestir de você? Hein mããe?
Quero poder ter aqueles enormea problemas de chiclete no cabelo, que o menino do jardim colocou porquê ele gosta de mim, mas a gente não sabia né mãe?
Quero ter o grande problema de não saber escrever liquidificador, e de falar Tota-tola.
Quero ter a vergonha de levantar de noite chorando porquê fiz xixi na cama mãe! Essa era a maior das vergonhas.
Fazer transinhas no cabelo com tictac de todaaas as cores :D
Acordar de noite chamando o papai porquê eu tive um pesadelo e ta tudo muito escuro.
- Paaai, liga uma luz e fica comigo até eu dormir?
Ter medo do " boi da cara preta " e do bicho papão que morava no armário e debaixo da cama, foi meu irmão que disse mãe, eu sei que existe, eu o vi ontem quando você saiu la do quarto!
Quero poder aprender a andar naquela minha bicicleta rosa com cesto na frente e colocar a Mimi pra passear comigo! Você lembra da Mimi mãe? Era minha filhinha :)
Até hoje eu tenho o "jacarebarbudo" aquele ursinho que você me deu quando eu tinha 3 anos , ele me protegia mãe e cantava para eu dormir.
Quero voltar de brincar de pega-pega, esconde-esconde, alerta, 7 pedras, barbie e me apaixonar por aquele vizinho 10 anos mais velho que eu.
Ser gordinha , buxexuda, e usar calça no umbigo.
Pintar borboletinhas no meu rosto no aniversário dos meus coleguinhas, ter medo de palhaços mas adorar os animaizinhos de balão que eles fazem e voltar a brincar na piscina de bolinha!
Mãããee, quero ser criança de novo, você deixa?

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Manual de uma mãe prevenida.

Filha, aqui escrevo alguns conselhos os quais eu gostaria de ter tido na minha adolescência.
- Não acredite em principes encantados, eles não existem, não vão chegar do nada em um lindo cavalo branco, carregando rosas vermelhas e te pedindo para cavalgar nos campos mais lindos, primeiro, moramos na cidade, quem anda de cavalo aqui é pobre, quem anda por campos é cowboy e pelo que eu entenda não existem principes pobres, nem pobres com campos.
Não se engane minha filha, seu primeiro beijo será inésquecivel, não,você não escutará sinos tocando nem borboletas na barriga, a unica coisa que você vai pensar é: o que é que esse cara ta fazendo mexendo a lingua desse jeito dentro da minha boca?! Não, não é gostoso, filha, é nojento e estranho, mas com o tempo você pega a prática e fica bom.
Quando você aprender a beijar filha, não saia beijando todos na festa, depois de algum tempo o beijo se tornará indispensável em sua vida, mas não se pode sair beijando todo mundo que você acha "gatinho", não esqueça, ele , antes de você, já beijou muitas bocas! Ah! Todo tipo de bactéria é passada através do beijo, então veja bem quem você vai beijar, os meninos na adolescência não tem costume de escovar os dentes tão frequentemente quanto nós.
Assim que você se aperfeiçoar na tecnica do beijo filha, começaram a surgir as mãos bobas, elas são muito interessantes filha, a partir do beijo você começará a sentir uma vontade imensa de algo que você ainda não conhece, se um dia você trocar uns beijinhos com um "gatinhho" e chegar em casa com algo estranho na calcinha, não se preocupe filha, é seu corpo respondendo aos impulsos desse desejo que você ainda não conhece chamado tesão!
Bom, você terá medo de tentar descobrir como se mata esse desejo a principio, mas encontrará um homem esperto o suficiente, ou insistente o suficiente que te dará coragem para matar essa vontade com ele, se você for esperta filha, fara isso pela primeira vez com quem seu coração mandar, não esquente, a minha primeira vez foi com um cara bem feinho sabe? Mas o que importa é o amor e o prazer que seu namoradinho irá lhe proporcionar. Ai filha, já ia esquecendo, quando você encontrar esse rapaz esperto, não transe sem camisinha! Nem com ele , nem com o outros espertinhos que você encontrar depois, transar não é que nem beijo não viu filha? Não é porque você tem vontade que você vai dar seu tesourinho piriquital para qualquer um! Nos tempos de hoje, os homens só querem coisas serias com quem libera o tesouro piriquital mais dificilmente viu?! A primeira vez doi, sangra e machuca, sexo não é uma coisa romântica e nem sempre é feito com amor. Muitas vezes é feito por necessidade, mais ou menos que nem o beijo filha, mas a diferença é que beijar muitos rapazes da a fama de piriguete, transar com muitos te da a fama de puta.
Bom filha a camisinha se torna mais importante do que tuuudo neste momento, se você quiser privilegiar muitos rapazes com seu tesouro saiba das consequencias!
Talvez com isso você nunca consiga casar com um cara serio, mas ai já é escolha sua meu docinho. Se você se proteger , pelo menos será um puta sem doenças sexualmente transmissivéis!
Agora, se você quiser ter alguma coisa, saiba que você pode pegar cancer no colo do utero e morrer amor... Mas isso não te preocupa né filha?! Você é adolescente e isso nunca vai acontecer com você! * irônia *
Não caia na onda de " só a cabecinha " , pinto não tem ombro filha !
Então, assim que você achar um mentiroso, digo , um cara que faz de conta que é uma coisa e na verdade é outra, digo... er... Bom, não acredite em homem perfeito, paixão é só ilusão! Homem não é sensivel, homem nunca está satisfeito com quem tem, sempre olha para o do vizinho, você quer um relacionamento bom, romantico e fofinho? Namore com uma mulher :)
Os homens não serão o que demonstraram no primeiro mês de relacionamento.
Uma relação é composta 70% por tesão e sexo, se sua relãção não tem mais isso você não tem uma relação. Enfim, quando você se der conta que já esta tempo suficiente com um cara que formou uma imagem para você se apaixonar, que a tempos você não vê mais apesar de você tentar, malhar todo dia , estar gatissima e ele ter engordado 20 quilos namorando com você, quando você achar que não tem como piorar... ELE pode terminar com você, sim! E aquela cara emburrada de algum tempo atras era alguma coisa, mas eles não dizem, eles querem nos poupar dos problemas deles! Se acostume filha, os homens não falam o que sentem, quando você perceber, ele não falou, já fez.
Seja esperta minha filha, homem é uma praga! Só não é pior do que mulher...
Mas isso meu docinho, eu deixo pra te explicar em outro manual,
Beijos da sua mãe que muito te ama e sempre desejou ter um manual assim de sua vó!

Te amo gordinha!


Para completar:
A sensibilidade masculina !



Dificil né?!



Essa é a melhor!